• DebateZeiros

Atlético 2x1 Cruzeiro: O Vice é fruto dos erros!

Precisando de uma vitória simples para ficar com o Título Mineiro, Mano Menezes não mexeu na equipe, mandando a campo Rafael, Mayke, Leo, Kunty Caicedo e Diogo Barbosa; Hudson e Henrique; Arrascaeta, Thiago Neves; Rafinha e Rafael Sóbis. O adversário iniciou com Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson, Rafael Carioca, Elias e Otero; Robinho e Fred.

O Cruzeiro iniciou o jogo indo ao ataque pela direita, mas não passava pela defesa adversária. O adversário, por sua vez, explorava a esquerda da defesa celeste. Por ali, uma em jogada de lateral para a área, Caicedo salvou o que seria o primeiro gol, mas não demorou muito ao time de Vespasiano abrir o placar: Henrique tentou uma enfiada de bola, a L.Silva se antecipou à Arrasceta e ligou Robinho. Hudson, amarelado, não fez a falta e o ex-santista acionou Fred. Na ponta direita o camisa 9 devolveu para a área. Leo não cortou e o próprio Robinho marcou. Após o gol, o time de Vespasiano passou a esperar o Cruzeiro em seu campo, fazendo as famosas duas linhas de quatro jogadores. Mano inverteu o posicionamento deslocando TN para a frente e compondo o meio com Sóbis, Arrascaeta e Rafinha. O Cruzeiro conseguia ir até a intermediária adversária, mas não passava disso. Thiago Neves não conseguia dar continuidade a uma jogada sequer. Na defesa, nossa esquerda era uma avenida. Deste lado o adversário chegou a marcar mais um gol (mal anulado) e ainda perder uma grande chance. Aos 32 os dois volantes do adversário estavam amarelados, mas o Cruzeiro não partia pra cima dos mesmos. Mesmo com mais posse de bola, o time de Mano Menezes era facilmente desarmado pela defesa adversária. Além de não ganhar as divididas, finalizou pela primeira vez somente aos 36 minutos e a próxima chegada com perigo ocorreu aos 47. Postura absurda para um time que almeja títulos.

Na volta para o segundo tempo, Mano sacou o amarelado Hudson para a entrada de Ábila. Além da mudança de peças, alguns jogadores pareceram começar a pensar e logo saiu o gol de empate. Thiago Neves, na linha de meio de campo, avançou pela esquerda e tocou para Sóbis. O camisa 7 inverteu com muita inteligência para Rafinha, que cruzou para Ábila. Nas costas do zagueiro, o argentino de forma espetacular, matou no peito, virou o corpo e meteu um voleio para as redes! Golaço que calou o Horto!

Ábila armando o Voleio no golaço. Único lance proveitoso da partida.

O Cruzeiro entrou de fato no jogo. A posse de bola enganosa do primeiro tempo deu lugar a passes, boas jogadas e finalizações. Thiago Neves, infelizmente, desperdiçou duas chances claras de gol. Roger trocou Otero por Maicosuel e Robinho por Cazares. Em jogada do equatoriano o time de Vespasiano empatou com Elias aos 24. Aos 26 Mano trocou Sóbis, de partida discreta, por Alisson. Em vantagem no placar, o adversário manteve a posse de bola e aproveitou os espaços deixados pelo Cruzeiro, porém sem levar perigo ao gol de Rafael. Roger substitui Elias, amarelado, por Danilo e Mano tentou sua última cartada colocando Raniel em lugar de Arrascaeta. Thiago Neves, de péssima partida, permanecia em campo, vindo a cobrar de forma displicente duas faltas na entrada da área adversária.

Aos 41 Rafinha foi expulso pelo segundo amarelo em uma falta duvidosa e, em seguida, Alisson provocou a expulsão do horroroso Adilson. Talvez se o time tivesse explorado mais as limitações e falta de ritmo deste volante, o resultado pudesse ser outro... Final de Partida: derrota por 2x1 e o Ruralito foi pro outro lado da lagoa.

O vice-campeonato é apenas um fruto dos erros de planejamento. Mano Menezes poderia ter aproveitado melhor o campeonato, dando mais chances a jogadores reservas e observado melhor o elenco. Estamos “reféns” da bola aérea e de bons lances de Arrascaeta e Sóbis. Robinho, jogador sem substituto no elenco, se lesionou devido ao excesso de jogos e fez muita falta ao time. A zaga comete erros infantis e Dedé continua no banco. Não teria ele condições de jogo? Mano Menezes precisa rever seus conceitos com urgência. Por que não reposicionar o time abrindo mão da linha de três meias? Além disso, tem jogador aí que precisa Twittar menos e jogar mais! #AcordaManoMenezes

Sua opinião é muito importante para nós!

Deixe sua crítica, elogio ou sugestão para que possamos melhorar sempre!

Fale Conosco