• Vinicius Matias

Cruzeiro 1x1 Vasco: “Dois pontos perdidos”

O Cruzeiro tropeçou e empatou com o Vasco por 1 a 1 na noite desta quarta-feira (6) em partida válida pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro. Andrey abriu o placar e Raniel empatou o jogo muito disputado no Mineirão. O Time Estrelado perdeu a chance de vencer mais uma partida em casa e caiu pra quarta colocação do torneio, com 17 pontos, e fica a três do líder Flamengo.

Dedé, melhor em campo. Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C.

O técnico Mano Menezes fez poucas alterações na equipe. No meio-campo, Henrique entrou no lugar de Lucas Romero, que foi poupado por causa de um corte no pé. No ataque, Raniel substituiu o suspenso Sassá. E Robinho voltou na vaga de Bruno Silva.


O Time Celeste não esteve em seus melhores dias, mas foi prejudicado pela arbitragem. Dois pênaltis não dados.


O JOGO


O Cruzeiro obteve mais de 60% de posse de bola no primeiro tempo, teve mais volume de jogo, mas desperdiçou muitas chances. Aos 7 minutos, Dedé cabeceou sem perigo ao lado direito do goleiro Fernando Miguel. Aos 8 minutos, foi a vez de Thiago Neves chutar por cima após assistência de Raniel.


Aos 15 minutos, foi a vez do Vasco em cobrança de falta de Yago Pikachu, Fábio conseguiu desviar com a ponta dos dedos na bola, que explodiu no travessão. Se não fosse o goleiro o time vascaíno abriria o placar naquele momento. Aos 19 minutos, o lateral-direito Edilson foi derrubado ao levar um carrinho do volante argentino Desábato na grande área. O árbitro Luiz Flávio de Oliveira mandou seguir o lance. Pênalti claro!


Aos 21 minutos, o lateral Egídio foi muito displicente ao tentar desarmar uma jogada no campo de defesa e acabou entregando a bola para Andrey, que a carregou e chutou no ângulo, sem chances para Fábio. 1 a 0 para o time carioca, foi um 'presente' para o Vasco, que pouco fazia na partida e priorizava fechar os espaços para que o Cruzeiro não atacasse pelo meio. O time estrelado insistia em cruzamentos mal sucedidos e praticamente não deu trabalho ao goleiro Fernando Miguel.


Para se ter uma ideia, no primeiro tempo, o Cruzeiro fez 27 cruzamentos e errou 21.


No começo do segundo tempo, Mano Menezes mexeu no time. Substituiu o volante Lucas Silva pelo atacante Marcelo. E logo aos 15 minutos, veio o gol de empate. Após passe rasteiro de Dedé, Rafael Sobis deu uma assistência para Raniel, que encobriu Fernando Miguel e empatou a partida, 1x1.


Na base da pressão, o Cruzeiro amassava o Vasco, mas a bola insistiu em não entrar. Henrique, Dedé, Raniel e Bruno Silva acabaram desperdiçando grandes chances. E teve mais um lance em que o zagueiro Paulão empurrou o atacante Raniel na área, outro pênalti claro que o árbitro não marcou e acabou mais uma vez prejudicando o Cruzeiro. Nos minutos finais o zagueiro Dedé deixou a defesa e virou atacante. E as bolas eram todas nele na área, mas o Vasco na base da sorte conseguiu se segurar.


Opinião: Cruzeiro apresentou pouca criatividade no jogo, perdeu a chance de embalar de vez no campeonato, e acaba com a sequência de vitórias justo em bom momento contra um adversário abalado tecnicamente. O time celeste pecou muito nas finalizações mais uma vez.


Quem foi mal: Partida muito abaixo do Thiago Neves. Seu futebol caiu muito depois que Arrascaeta e Rafinha sairiam do time titular, apesar de que a equipe apresentou um desgaste físico visível na partida. Robinho também foi péssimo, muito improdutivo. É hora de dar chances para outros que querem jogar.


Destaques: Dedé melhor em campo, disparado. O zagueiro fez nova partida consistente na defesa, mas a sua principal contribuição foi no ataque. Ele se destacou por criar jogadas ofensivas. O zagueiro se responsabilizou por finalizações, cruzamentos e começou o lance que terminou em gol de Raniel. Rafael Sóbis também vive grande momento no Cruzeiro. Titular em quatro jogos consecutivos, o atacante participou de gols do time nos últimos três jogos.

ESTATÍSTICAS

Cruzeiro x Vasco

(55%) Posse de bola (45%)

(2) Chutes a gol (2)

(12) Escanteios (1)

(2) Impedimentos (3)

(16) Chutes livres (10)

(8) Faltas (13)

(0) Cartões amarelos (1)

(0) Cartões vermelhos (0)

FICHA TÉCNICA:

CRUZEIRO 1X1 VASCO

Motivo: 10ª rodada do Campeonato Brasileiro

Local: Mineirão

Data: quarta-feira, 6 de junho de 2018

Gols: Raniel, aos 15min do 2ºT (CRU); Andrey, aos 21min do 1ºT (VAS).

Cartão amarelo: Wagner, aos 44min do 1ºT (VAS).

Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (FIFA/SP)

Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Fábio Rogério Baesteiro (SP)

Público: Pagantes: 19.870 / Presentes: 23.725 / Renda: R$ 411.772,00

Cruzeiro:Fábio; Edilson, Dedé, Leo e Egídio; Henrique e Lucas Silva (Marcelo, aos 14min do 2ºT); Robinho, Thiago Neves e Rafael Sobis (Bruno Silva, aos 30min do 2ºT); Raniel.

Técnico: Mano Menezes

Vasco: Fernando Miguel; Luiz Gustavo (Wellington, aos 29min do 2ºT), Paulão, Ricardo Graça e Henrique; Desábato, Andrey e Bruno Cosendey (Evander, aos 17min do 2ºT); Yago Pikachu e Wagner (Giovanni Augusto, aos 10min do 2ºT); Andrés Rios.

Técnico: Valdir Bigode

#AvanteCruzeiro

Por: Vinícius Matias - @viniciusmatias1

Sua opinião é muito importante para nós!

Deixe sua crítica, elogio ou sugestão para que possamos melhorar sempre!

Fale Conosco