• Wagner Jerônimo

Rapidinhas do Cruzeiro

Fala nação que acompanha o DebateZeiros! Tudo bem com vocês?

A semana começou agitada pelos lados da Toca da Raposa. Muitas notícias e emoções vieram pra contextualizar a ótima fase vivida pelo clube em 2018, até aqui. Vamos aos principais assuntos dos últimos dias?


Virando a chave.


Cruzeiro como time competitivo que é, além de seguir firme no Campeonato Brasileiro, e de já estar praticamente classificado pras oitavas de final da Copa Libertadores, essa semana, o time celeste terá pela frente o enigmático Atlético Paranaense do treinador e psicólogo Fernando Diniz, na Copa do Brasil. Adversário duro, com estratégia diferente dos demais clubes do Brasil em priorizar competições importantes, em detrimento do Estadual, os paranaenses ainda são uma incógnita para essa temporada. Mas de certo, será um adversário perigoso e incisivo, mas que também, enfrentará e terá que respeitar o Cruzeiro, atual campeão da competição, e que a cada jogo, torna-se uma equipe mais equilibrada, com jogadores experientes e vencedores, e eficiente dentro de campo.

Jogadores do Cruzeiro comemoram a quinta conquista da Copa do Brasil (2017) - Foto: Pedro Martins / MoWA Press



Um salve ao Sistema defensivo


A defesa do Cruzeiro é o ponto forte da equipe comandada por Mano Menezes. A alcunha de retranqueiro no qual ele carrega ao longo da carreira, é verdadeira, mas, na sua passagem pelo time estrelado, mesmo fugindo das tradições ofensivas do clube, o seu peculiar sistema de jogo, é o que traz equilíbrio, eficiência, e grande aplicação tática, essa, elogiada por diversos comentaristas pelo Brasil. Cruzeiro sofre poucos gols, graças a tática do técnico atual, que explora intensidade, aplicação e comprometimento tático dos jogadores. E claro, salientar a entrada do Dedé no sistema defensivo, que contribuiu contundentemente para a melhora dos números desse setor do time.

É um vencedor, e um mito, por tudo o que o zagueiro passou, em anos anteriores.



Eles merecem demais, cara!


Giorgian de Arrascaeta irá pra copa da Rússia pela seleção uruguaia. Um importante jogador, com uma evolução gradativa e marcante, que o credencia o principal jogador para começar a renovação da seleção do seu país, pós copa. O outro destaque fica pelo Dedé, que balançou a mente do treinador Tite, para a lista de convocação da seleção brasileira. Um zagueiro diferenciado, com ótimo senso de posicionamento, e que voltou voando na temporada 2018. Está na lista de espera da Copa, e ouviu um sonoro elogio do comandante sobre suas atuações.

Foto: Gladyston Rodrigues/EM D.A Press Foto: Geraldo Bubniak/Cruzeiro

Vendas a vista?


Joel com contrato até 2020 com o Cruzeiro, pode ser vendido, junto com o zagueiro Murilo, da base celeste. A venda do camaronês, seria um alívio pra apagar a grande decepção que foi a sua contratação. O jovem zagueiro, tem mercado, fez um segundo semestre excelente em 2017, e sua venda, pode ajudar as finanças do clube. Outro que pode sair, ainda mais se fizer uma grande Copa do Mundo, é o Arrascaeta...



Ele tá brilhando!


Lucas Silva, de descartável, a uma das principais peças do time comandado pelo Mano Menezes. O volante, deu uma nova dinâmica ao antes burocrático meio campo celeste. Pelo que vem jogando, espero que o Cruzeiro consiga a renovação do seu empréstimo junto ao Real Madrid. Tá valendo a pena acreditar novamente no garoto!

Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C



É isso, pessoal. Leia, comente, opine, participe, a sua opinião é super importante.


Grande abraço e até a próxima!


Por: Wagner Jerônimo






Sua opinião é muito importante para nós!

Deixe sua crítica, elogio ou sugestão para que possamos melhorar sempre!

Fale Conosco